Essencia de Mulher

Um blog para mulheres e homens de mente aberta

sexta-feira, março 10, 2006

À procura de equilíbrio



É a isto que chamam emancipação da mulher? Espero que as mulheres sejam mais sensatas e não caiam no mesmo erro dos homens. Mulheres e homens, pela natureza de cada um, foram feitos para se complementarem e serem uma fonte de equilíbrio. Confesso que algumas vezes tenho uma certa dificuldade em perceber os homens, principalmente quando querem gerir relações humanas como empresas, por exemplo. Também sei que não sou fácil de entender nos meus acessos de emotividade, sensibilidade e visão "cor-de-rosa" das coisas. É fácil ter teorias mas pô-las em prática é bem mais difícil. Vou-me esforçando para aprender e melhorar dentro daquilo que acredito ser bom para mim e para todos.

5 Comments:

At 10:26 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Qualquer tipo de relações, em qualquer tipo de Organização, carece de regras, obviamente umas mais flexíveis ou rígidas que outras. O importante é que ambas as partes se entendam, previamente, quanto às mesmas e as cumpram. E conversem sobre os seus resultados, fazendo o "balanço" anual, para correcção de desvios... lá esá "linguagem de empresa".

 
At 4:35 da tarde, Blogger Neide said...

sim ...completar... seria o ideal ... mas aparentemente existiração sp diferenças encaradas como defitos ou virtudes ... sendo apenas ... diferenças (?!) ... adorei o ponto de vista ... bjo**

 
At 1:53 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O poder é viciante! seja mulher mulher ou homem, ambos o procuram... só espero encontrar um amulher trabalhadora que me deixe em casa a tratar dos filhos... o meu sonho é ser doméstico! lol

 
At 5:33 da tarde, Anonymous andy said...

Wauuuuu
Gostei:))
Bjo amiga*

 
At 2:21 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Há diversos sabores e diversos paladares no mundo. O que uns consideram bom, para o outro é intragável. Mas aquilo que eu considero ruim, quem considera saboroso, considera-o porque para si mesmo é saboroso. Há até quem goste de suco de couve com limão!

Isso posto, existe entre nós um prato que não importa o paladar, é sempre tido como ruim! Ora, tal prato se chama "a vontade de Deus".

Sim! Se o indivíduo gosta de usar boné, a "vontade de Deus" é que ele não mais o use. Se a mulher está num casamento desestruturado, a "vontade de Deus" é que ela permaneça em tal casamento. Se o cara é um pé de valsa, a "vontade de Deus" é que ele não mais dance, a não ser que dance só para Deus! Ora, paro aqui com os exemplos. Creio que cada um que ler este texto tem uma situação na vida em que tal exemplo possa ser aplicado.

O que houve com o versículo em Romanos, que diz que a vontade de Deus é "boa, agradável e perfeita"? "Ah, mas é boa, agradável e perfeita para ELE", alguém poderia dizer. Mas será? Ora, o que está escrito, em nosso favor está escrito! Deus conhece o paladar de cada um de seus filhos!

Sim! A transformação de mente em Romanos é esta: entender que Deus não é contra nós, mas por nós. Que Ele não está interessado em destruir os prazeres da vida, mas em dar-lhes a devida proporção, que não é o lugar de senhores de nossa vida (Jesus é o Senhor!) nem um lugar de negação total deles, mas um equilíbrio.

Ah ! que equilíbrio distante ..

(ALGUEM)

 

Enviar um comentário

<< Home