Essencia de Mulher

Um blog para mulheres e homens de mente aberta

sexta-feira, outubro 13, 2006

Pontos de vista


Nietzsche escreveu assim em "Humano, demasiado humano":
"Devemos expor a nossa infelicidade, gemer audivelmente uma ou outra vez, ostentar impaciência, pois, se revelássemos aos outros a que ponto, bem no fundo de nós mesmos, nos encontramos satisfeitos e tranquilos apesar das dores e das privações, apenas conseguiriamos suscitar-lhes inveja e perversidade. Ora, é necessário impedirmo-nos de tornar os nossos semelhantes ainda mais perversos; demais, se eles nos soubessem felizes, haviam de onerar-nos com pesadíssimas tributações, donde se conclui que o nosso sofrimento púbico representa para nós uma vantagem privada."
Eu escrevo:
Devemos expor a nossa felicidade, sorrir frequentemente, mesmo quando por vezes as coisas tornam-se difíceis. É dessa maneira que conseguimos contrariar certas emoções que se tornam perigosas e podem-nos levar à derrota. Se vivermos felizes, espalharemos felicidade aos que nos rodeiam. Acredito na lei da ressonância do Universo. Também estando felizes atrairemos para nós pessoas e situações dentro dessa maneira de estar. Tudo parte da nossa atitude interior. Ver os maus momentos como aprendizagens e agradecer por isso, festejar todas a vitórias, sejam elas pequenas ou grandes e enviar Amor para os que nos amam e os que não nos querem tão bem pode ser uma forma de mudar o Mundo para um Mundo melhor. Só nos magoamos se nos deixarmos magoar, se existirem sentimentos de culpa em nós; só nos cai a inveja em cima se estivermos fragilizados e vulneráveis; só atrairemos "opressores" se alimentarmos a parte de vítimas em nós... tudo precisa de um campo fértil para germinar. Há que sorrir, há que agradecer, há que mudar a atitude interior, há que amar, há que saber aceitar... Nascemos para sermos felizes. A escolha é nossa, da nossa inteira responsabilidade. Sendo felizes faremos muitas outras pessoas felizes também.

10 Comments:

At 3:00 da tarde, Blogger Vida said...

Que bom, se formos positivos, vivemos com alegria e boa disposição que vai contagiar tudo e todos à nossa volta. Gostei de ver.

Beijinhos e bom fim de semana.

 
At 6:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Bonito post, e verdadeiro pois no fundo a "atitude positiva" conduz´-nos em todos os domínios da vida à felicidade. Outra questão que pode ser limitativa são as nossas expectativas os nossos objectivos que devem ser realistas, atingíveis.

 
At 11:44 da tarde, Anonymous Borboleta said...

Ser positivo é excelente, algumas vezes dificil.
Muitas vezes a vida cria-nos rasteiras e temos de respirar fundo para conseguirmos de novo a nossa positividade.
É bonito um dia de sol, também é bonito um dia de chuva....A chuva vai limpar o menos bom que o "dia" possa ter tido....neste caso o obstáculo que a vida nos colocou.
Neste obstáculo vai surgir o nosso amadurecimento e aprendizagem...
Muitas vezes nao é bem assim... teremos ter mais chuvas....
Bj

 
At 10:08 da manhã, Blogger LuzHarmonia said...

Subscrevo e assino por baixo.
Há que viver a vida plena de satisfação porque o bom e o mau que nos surge no caminho de vida fazem parte dos ensinamentos que contribuem para a nossa evolução espiritual.
Beijos de Luz

 
At 8:00 da tarde, Blogger Laura said...

Minha 1ª vez aqui e gostei muito do teu blog. Parabéns!
Adorei este post e concordo a 1000%!!! É um dos meus lemas de vida.
Deixo-te beijos

 
At 8:08 da tarde, Blogger a lice said...

Beijinhos de boa semana!;-)

 
At 1:52 da manhã, Blogger António Rosa said...

Como um dos co-autores do livro "Que é o amor?", pode fazer o favor de ir ao blogue do livro responder a uma pergunta que está no primeiro post?

Agradecido.

António Rosa

 
At 5:56 da tarde, Blogger canela_e_jasmim said...

Subscrevo . Também acredito que só recebemos dando.

Beijinhos

 
At 8:53 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gostei imenso...outra coisa tb n esperaria vinda de ti. Gostei mto do blog.

Uma beijoca
p.s- a mosqueteira mais piquena...

 
At 1:36 da manhã, Blogger poeta_silente said...

Que bonito o que escreveste!
A mais pura verdade... a verdade de quem sabe viver e é forte. Mas não forte porque não sofra... muito pelo contrário. Forte porque sabe-se fraca, em alguns momentos, e por ter este conhecimento entende que o nosso crescimento e a nossa caminhada, depende de cada um dos caminhos pelos quais passamos.
Mas... está faltando uma coisa: novos posts, para que possamos vivenciar belas leituras por aqui.
beijos da amiga saudosa
Miriam

 

Enviar um comentário

<< Home