Essencia de Mulher

Um blog para mulheres e homens de mente aberta

sábado, outubro 29, 2005

Escrevem os célebres...

"Devemos deixar os outros com água na boca. O desejo é a medida da estima. É bom mitigar a sede corporal, mas não saciá-la inteiramente: o bom é duplamente bom se for pouco. Perde-se muito à segunda vez. As grandes doses de agrado são perigosas, pois conduzem ao desprezo da mais alta perfeição. A única regra para agradar é encontrar um apetite que se deixou faminto. É mais estimulante um desejo impaciente que uma saturação de prazer. Uma felicidade que se paga com aflições contenta duplamente."
Gracián, Arte da prudência

7 Comments:

At 6:34 da tarde, Blogger acnp said...

mt obrigada plo teu comentario no meu blog..
tb gostei do teu e voltarei mais vezes...espero k faças o mesmo.

=D

 
At 8:31 da tarde, Anonymous Anónimo said...

É a velha dificuldade - dá-te a pouco e pouco, e nunca em demasia! Depois há os bibis, os idealistas, no fundo os que nada sabem da vida e que no fundo nem paciência têm para "viver" o amor.

 
At 6:29 da tarde, Anonymous paulo said...

qd nos damos de mais só podemos sofrer é isto de um grande amor viver.mas senao se vive com intensidade tb n se tira partido da felicidade de um verdadeiro amor eu prefiro dar me totalmente mesmo k a pessoa kom kem estou tirar partido disso e depois usar contra mim ...fikam as recordaçoes pelo menos e por + k saiba k as cenas acabaram ñ me arrependo da forma como tudo vivi...cheio de cor de brilho de um rasgo enorme no meu sorriso na transparençia de um olhar feliz!!

 
At 6:32 da tarde, Anonymous paulo said...

olha gostava muito de falar cntg aki fika o meu mail,sempre k for possivel porke nem sempre vou ao mirc-;) paulo_cobain_7@hotmail.com beijitos

 
At 11:56 da tarde, Blogger EuMulher said...

No fundo no meio é que continua a virtude, penso eu. Mas considero que nunca nos damos por inteiro até porque ao longo dos anos vamo-nos modificando. Já alguém dizia : somos com o rio. O rio é o mesmo mas as àguas vão correndo e nunca são as mesmas. Acredito que a cada segundo que passa algo muda em nós. Cada um dá de si o que pode e como pode e como quer dar.Mas a meu ver é sempre bom deixar algo no ar... eu pelo menos gosto de ir descobrindo. Dá-me prazer a conquista. Não gosto muito de resultados imediatos. Quando luto pelas coisas o sabor da vitória é melhor, mesmo sabendo que por vezes posso nao conseguir atingir essa vitória.

 
At 10:20 da tarde, Anonymous Isabel said...

Discordo, mas............o que é que se pode fazer?
Acho que a entrega deve ser completa e satisfatória para os envolvidos.lol
Um beijo
Isabel

 
At 11:03 da tarde, Blogger EuMulher said...

Isabel... eu penso que damos de nós o que pudemos em cada momento. Penso que sempre fica algo por dar. Agora este dar ... depende muito das situações. Se é em termos de amizade, de uma relação amorosa... Eu pessoalmente gosto do prazer da descoberta :)

 

Enviar um comentário

<< Home